Dizem que os avós são um tesouro, mas na verdade eles possuem tesouros.    

No tempo em que vivemos, eles são testemunhas de muitas lições: aquele que foi curado será capaz de cuidar, aquele que aprendeu poderá ensinar, aquele que foi protegido será capaz de proteger, aquele que foi amado saberá amar.   

O momento é uma ocasião para agradecer, abraçar (ainda que virtual) e celebrar a presença deles no passado e no presente, para voltar às próprias raízes e descobrir nelas a ternura e o amor de Deus.Avós caminham de mãos dadas, permanecem calmos junto ao mar da vida enquanto as ondas banham os pezinhos. 

Alguns escutam em silêncio as reclamações, dúvidas, medos. Eles compensam com amor as ausências, a raiva, as dificuldades dos pais ocupados, e muitos de vidas separadas.

Que São Joaquim e Sant’Ana, avós de Jesus, abençoem todos os Vovós.